Modificar o tamanho de letra:

 

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) expressa pesar pelo falecimento de dom Geraldo Majela de Castro, arcebispo emérito de Montes Claros (MG). O texto, assinado pelo bispo auxiliar de Brasília e secretário geral da CNBB, dom Leonardo Steiner, recorda que "em sua trajetória episcopal, Dom Geraldo dedicou-se incondicionalmente à Igreja Particular de Montes Claros como coadjutor, bispo e primeiro arcebispo"Leia, na íntegra, a mensagem:

 

Nota de pesar pelo falecimento de Dom Geraldo Majela de Castro, OPraem


"Eu sou o caminho, a verdade e a vida" (João 14, 6)


A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil – CNBB recebe com pesar a notícia do falecimento de Dom Geraldo Majela de Castro, OPraem, arcebispo emérito da Arquidiocese de Montes Claros-MG, ocorrido hoje, 14 de maio.


Dom Geraldo Majela era natural de Montes Claros, nascido aos 24 de junho de 1930. O religioso pertencia à Ordem Premonstratense (OPraem). Foi nomeado bispo no dia 23 de junho de 1982. Escolheu por lema “Ite et Vos” (“Ide também Vós”). Em sua trajetória episcopal, Dom Geraldo dedicou-se incondicionalmente à Igreja Particular de Montes Claros como coadjutor, bispo e primeiro arcebispo.


A CNBB manifesta solidariedade aos familiares e amigos de Dom Geraldo, a Dom José Alberto Moura e a todo o povo da Arquidiocese, em preces ao Senhor da vida suplicando para esse nosso irmão a felicidade eterna.

“Dai-lhe, Senhor, o descanso eterno! E brilhe para ele a vossa luz”!

 

Dom Leonardo Ulrich Steiner

Bispo Auxiliar de Brasília

Secretário-Geral da CNBB

Notícias mais acessadas